Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Quase 700 mil pediram isenção de taxas moderadoras, mas não conseguiram por insuficiência económica

Lusa

  • 333

Lisboa, 02 out (Lusa) - Quase 700 mil utentes viram recusado o pedido de isenção do pagamento de taxas moderadoras por insuficiência económica, por falta de cumprimento dos "requisitos necessários", segundo fonte oficial.

Dados da Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS) indicam que, até final de setembro, 2.207.470 utentes apresentaram requerimentos para o reconhecimento de insuficiência económica, dos quais 1.516.102 utentes (69 por cento) cumpriam os requisitos.

Os restantes 691.368 utentes que não cumpriram os requisitos não obtiveram a isenção, não adiantando a ACSS quantos destes reclamaram da decisão, dados já solicitados pela agência Lusa.