Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

QREN: Portugal é o país com melhor desempenho na absorção de fundos entre os que recebem mais

Lusa

  • 333

Lisboa, 24 set (Lusa) -- Portugal é entre os países com maior dotação o que tem melhor desempenho na absorção de fundos do QREN, tendo executado 42,9 por cento do programado para 2007-13, a título de pagamentos intermédios.

De acordo com o Observatório do QREN, a partir de dados da Direção-Geral do Orçamento da Comissão Europeia, entre julho e agosto, Portugal recebeu mais 807 milhões de euros em pagamentos intermédios (reembolsos após os investimentos concretizados e validados), o que totaliza uma execução de 42,9 por cento dos 21,4 mil milhões de euros de dotação total do QREN.

Entre os nove estados-membros com maior dotação orçamental, Portugal é o país que melhor executa os fundos estruturais, ultrapassando até a Alemanha, cuja taxa de execução é de 39,8 por cento, de acordo com o 'ranking' elaborado pelo Observatório do QREN.