Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

PS: Seguro deixa implícito cenário de abstenção face à moção de censura do PCP

Lusa

  • 333

Lisboa, 20 jun (Lusa) - O secretário-geral do PS deixou hoje implícito que os socialistas deverão abster-se perante a moção de censura do PCP, defendendo que essa iniciativa é irresponsável, mas que o seu partido também deverá demarcar-se da maioria PSD/CDS.

Esta posição, de acordo com fontes socialistas contactadas pela agência Lusa, foi transmitida por António José Seguro na abertura da reunião da Comissão Política Nacional do PS.

Seguro, segundo as mesmas fontes, classificou a moção de censura do PCP como "uma irresponsabilidade" política, num momento em que o país se encontra sob assistência financeira.