Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

PS defende conta corrente entre Estado e empresas para dinamizar economia

Lusa

  • 333

Lisboa, 30 maio (Lusa) -- O líder do PS, António José Seguro, apresentou hoje quatro medidas para preservar empregos e dinamizar a economia, entre as quais a criação de uma conta corrente entre empresas e Estado.

António José Seguro falava aos jornalistas após ter estado reunido com a Confederação Empresarial de Portugal (CIP), encontro que tinha por objetivo procurar soluções para o problema do desemprego em Portugal.

"Hoje estimemos a dar apoio às empresas e verificámos que estas - para além das dificuldades que decorrem de uma reduzida procura interna, motivada pela política de austeridade - estão em dificuldades porque o Estado não está a pagar os fornecimentos dessas empresas e, por outro lado, o Estado não está a devolver nos prazos legais o IVA às empresas", disse.