Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Protesto paralisa exportação de petróleo num dos principais portos líbios

Lusa

  • 333

Benghasi, Líbia, 15 mai (Lusa) - O Porto de Al Zuitina, uma dos mais importantes da Líbia, interrompeu hoje a exportação de petróleo devido a um protesto de centenas de pessoas que exigem ser contratadas por uma empresa, informou o Governo de Tripoli.

O vice-ministro líbio do Petróleo e Gás, Omar al Shakmat, disse que a exportação de crude através daquele porto, localizado a 870 quilómetros a leste da capital, regista lucros de 1,3 milhões de dólares (cerca de um milhão de euros).

Os manifestantes reclamam que o Governo cumpra a promessa de contratar 340 pessoas, em conformidade com o determinado no início do ano pela Organização Nacional do Petróleo.