Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Proprietários fazem balanço "catastrófico" de um mês do arrendamento urbano

Lusa

  • 333

Lisboa, 12 dez (Lusa) -- A Confederação Portuguesa de Proprietários disse hoje que um mês depois da entrada em vigor da nova lei do arrendamento urbano o balanço da sua aplicação é "catastrófico".

Para a sua avaliação, a estrutura representativa dos proprietários referiu a falta do Balcão Nacional do Arrendamento (BNA), que segundo a confederação é uma "instância inútil e burocrática, mas que a nova lei impõe como indispensável para desencadear os despejos".

Com a falta de publicação do diploma que enquadra tecnicamente o BNA, os proprietários lembraram que na prática não é possível fazer despejos no país.