Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Programa de Revitalização de Aldeias defende agricultura como atividade fundamental

Lusa

  • 333

Faro, 18 abr (Lusa) - A necessidade de as populações voltarem a olhar para a agricultura como uma atividade económica fundamental é defendida no Programa Mínimo de Revitalização de Aldeias, elaborado pela Associação Portuguesa para o Desenvolvimento Local (Animar) e hoje apresentado em Faro.

"Esta recomendação é o reflexo da situação que se vive em Portugal e resulta do levantamento de informação no sentido de aprender com as medidas que estão no terreno", disse à agência Lusa o presidente do conselho fiscal da Animar, António Pedro Dores.

Promovido pela associação em parceria com a Associação para o Desenvolvimento do Concelho de Moura e o Instituto das Comunidades Educativas, o Programa Mínimo de Revitalização de Aldeias é o culminar do projeto Aldeias Sustentáveis e Ativas (Asas), iniciado em novembro de 2011 e que termina este mês.