Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Profissão, arbitragem e família são os três pilares para o sucesso na carreira de um árbitro -- Artur Soares Dias

Lusa

  • 333

Mira, 06 out (Lusa) - O árbitro internacional de futebol Artur Soares Dias disse hoje à agência Lusa que para a carreira de um árbitro ser bem-sucedida é necessário conciliar a profissão, a arbitragem e a família.

"Sempre consegui bem exercer uma função tão exigente como a direção de recursos humanos, a arbitragem e a família. Se conseguirmos não esquecer estas três áreas e conseguirmos bem gerir - independentemente do estado do país, que não poderá servir de desculpa para qualquer questão - o nosso tempo, as nossas prioridades e a nossa estratégia, acho que conseguiremos ser bem-sucedidos", disse o árbitro da Associação de Futebol do Porto, em Mira, à margem do XI Encontro Nacional do Árbitro Jovem.

O árbitro da Associação de Futebol do Porto iniciou um painel precisamente sobre a conciliação dos afazeres dos jovens árbitros com a vida diária e estudantil, questionando a plateia de 96 jovens, entre os quais 15 raparigas, sobre o porquê de quererem ser árbitros.