Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Procuradores chineses querem ver Bo Xilai "seriamente punido"

Lusa

  • 333

Jinan, China, 26 ago (Lusa) -- Os Procuradores no julgamento do antigo líder chinês Bo Xilai consideraram demonstrada a culpa do ex-dirigente em crimes "extremamente graves" e exigiram que seja "seriamente punido" por má gestão, abuso de poder e corrupção.

"O acusado cometeu delitos extremamente graves e recusou admitir a sua culpa. Não há razões legais para um veredito brando, tem de ser seriamente castigado e de acordo com a lei", defendeu a acusação segundo a transcrição difundida pelo Tribunal Intermédio de Jinan, este da China, na Internet.

De acordo com a transcrição -- que o Tribunal retirou por breves minutos antes de a voltar a colocar e sem qualquer justificação -- os Procuradores dirigiram-se diretamente a Bo XIlai para vincarem que os atos "são objetivos e não se podem mudar segundo a sua vontade subjetiva".