Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Procurador guineense diz que o estado de saúde de ministro espancado "é muito grave"

Lusa

  • 333

Bissau, 06 nov (Lusa) - O Procurador-Geral da República (PGR) da Guiné-Bissau, Adbu Mané, classifica como "muito grave" o estado de saúde do ministro de Estado Orlando Viegas, espancado por desconhecidos na sua residência na noite de terça-feira.

"Isto é muito grave", afirmou Mané, em declarações aos jornalistas à saída da sede das Nações Unidas, em Bissau, onde se encontra refugiado Orlando Viegas.

"Vou ter que falar com o senhor Presidente da Republica de transição como o mais alto magistrado da Nação e comandante em chefe das Forças Armadas. Em nome dos direitos humanos, é inadmissível, inaceitável e intolerável", afirmou Abdu Mané.