Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Procura externa salvou ano turístico marcado por quebra do mercado ibérico

Lusa

  • 333

Lisboa, 04 nov (Lusa) - O crescimento da procura externa "salvou" o turismo nacional em 2012, ano marcado por uma redução de 7,5% na procura interna e pela "desagradável surpresa" da quebra de 10% do mercado espanhol.

O presidente do Turismo de Portugal, Frederico Costa, que fez hoje o balanço de 2012, numa conferência promovida pela Associação da Hotelaria de Portugal e pela Vida Imobiliária, destacando que "o ano acaba com uma nota positiva", devendo apresentar um crescimento semelhante a 2011, graças à procura externa.

Frederico Costa disse que a procura internacional cresceu 5%, "acima de todas as expectativas", já que a Organização Mundial do Turismo previa um crescimento máximo na ordem dos 3% para a Europa.