Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Processo eleitoral não teve influência na derrota do Braga -- António Salvador

Lusa

  • 333

Braga, 26 out (Lusa) - António Salvador disse na sexta-feira que decidiu se recandidatar à presidência do Sporting de Braga por causa dos vários apelos que recebeu e recusou a ideia de que o processo possa ter desestabilizado a equipa.

"Já há muito tempo que tinha tomado a decisão de não continuar, mas não pude deixar de ser sensível aos muitos apelos que recebi nas últimas horas, dos próprios jogadores, para que não deixasse este clube", afirmou no final do jogo com a Académica, da oitava jornada da I Liga de futebol, que terminou com o triunfo dos "estudantes" por 1-0.

O dirigente recusou a ideia de que a semana conturbada em torno da sua continuidade (Salvador disse na quarta-feira que não se recandidataria) possa ter influenciado negativamente a equipa, que realizou uma má exibição.