Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Privatização da Caixa Seguros pode arrancar quinta-feira

Lusa

  • 333

Lisboa, 12 jun (Lusa) -- O dossier da privatização das seguradoras detidas pela Caixa Geral de Depósitos (CGD) foi hoje publicado, podendo a venda arrancar a partir de quinta-feira, quando entram em vigor as regras definidas para o processo de alienação.

As receitas da alienação do capital social das seguradoras Fidelidade, Multicare e Cares vão ser "integralmente aplicadas" na CGD, determina o diploma publicado em Diário da República, para permitir a libertação de fundos para reforçar os seus rácios de capital, "com o consequente incremento da sua capacidade de financiamento das atividades económicas".

No preâmbulo do decreto lei, o Governo especifica que esta "aplicação integral das receitas da privatização no setor produtivo", diretamente na CGD e indiretamente através do financiamento por esta concedido, tem em vista alcançar uma "racionalização da estrutura" do grupo CGD, o "reforço" dos seus rácios de capital e "consequente aumento da capacidade de financiamento da economia".