Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Prisão preventiva para homem que a PJ/Norte indicia por burla informática

Lusa

  • 333

Porto, 26 mar (Lusa) - Um juiz de instrução criminal decretou prisão preventiva para um homem que a Polícia Judiciária (PJ) deteve, através da sua Diretoria do Norte, por alegado envolvimento em diversos crimes de burla informática, anunciou hoje fonte policial.

De acordo com um comunicado da PJ, o detido terá praticado diversos crimes de burla informática em coautoria com outro homem que já foi detido durante a última semana e que também foi colocado em prisão preventiva.

Em causa está, em concreto, a colocação de anúncios na internet, publicitando a venda de telemóveis a preços inferiores aos de mercado. Os anunciantes solicitavam o pagamento antecipado dos aparelhos, que nunca enviavam a quem os encomendava.