Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Primeiro-ministro pede compromisso alargado e duradouro para equilíbrio das contas públicas

Lusa

  • 333

Lisboa, 07 abr (Lusa) - O primeiro-ministro afirmou hoje, numa declaração ao país, que o Governo está recetivo a todas propostas de redução da despesa e apelou a um compromisso alargado e duradouro para o equilíbrio das contas públicas.

Pedro Passos Coelho fez este apelo depois de anunciar que, para fazer face ao "chumbo" pelo Tribunal Constitucional de quatro normas do Orçamento do Estado para 2013, o executivo PSD/CDS-PP vai "acelerar e intensificar alguns aspetos da reestruturação do Estado com impacto direto na despesa pública", em áreas como "segurança social, saúde, educação e empresas públicas".

"A complexidade e a preparação que medidas deste tipo requerem apelam à mobilização da sociedade civil, do Governo e do Estado para a sua formulação. Nas próximas semanas, teremos de proceder ao estudo e ponderação das alternativas possíveis, e o Governo está naturalmente recetivo a todas as propostas razoáveis, fundamentadas e objetivas que a discussão pública suscitar", afirmou o primeiro-ministro, na sua residência oficial, em Lisboa.