Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Primeiro-ministro diz que Governo parou "explosão da dívida" e nega segundo resgate

Lusa

  • 333

Lisboa, 05 abr (Lusa)- O primeiro-ministro afirmou hoje que o seu Governo "parou a explosão da dívida" portuguesa e "não está a preparar um segundo resgate, nem a sua ação contribuirá para tal", acusando o BE ter esse desejo.

As palavras de Pedro Passos Coelho foram proferidas no Parlamento, durante o debate quinzenal, depois de o coordenador do BE, João Semedo, ter sustentado que "continuando a sua política" o Governo levará Portugal a pedir um segundo resgate financeiro às instituições internacionais.

"Nos próximos oito anos serão gastos 125 mil milhões de euros para pagar a dívida, continuado a sua política não há financiamento possível que não seja um segundo resgate, não basta prolongar as maturidades, o senhor sabe perfeitamente que a sua política condena o país a um segundo resgate", afirmou o bloquista.