Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Presidente do Centro Hospitalar Tondela Viseu alerta para riscos de mais cortes em 2013

Lusa

  • 333

Viseu, 18 fev (Lusa) -- O presidente do conselho de administração do Centro Hospitalar Tondela Viseu, Ermida Rebelo, alertou hoje que a existência de mais cortes no contrato-programa de 2013 poderá levar "ao encerramento, ainda que parcial, de alguma atividade assistencial".

O centro hospitalar teve, de 2010 para 2012, cortes de cerca de 12,8 milhões de euros (mais de oito milhões em 2012 face a 2011).

Ao intervir na cerimónia do Dia de S. Teotónio, padroeiro do centro hospitalar, Ermida Rebelo sublinhou os bons resultados que têm sido alcançados quer em termos de desempenho assistencial, quer económica e financeiramente, apesar destes cortes.