Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Presidente do Bayern de Munique acusado de fraude fiscal

Lusa

  • 333

Berlim, 30 jul (Lusa) - O presidente do Bayern de Munique, Uli Hoeness, foi formalmente acusado de fraude fiscal, depois de ter admitido que escondeu dinheiro na Suiça, anunciou hoje a Justiça alemã.

"O Ministério Público concluiu o inquérito visando Ulrich Hoeness e decidiu hoje avançar com um processo de acusação", revelou o Tribunal Regional de Munique, em comunicado.

Um coletivo de juízes do tribunal deverá agora decidir se o presidente da equipa bávara vai a julgamento.