Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Presidente do Banco Santander Totta considera novo orçamento de austeridade "preocupante" - C/ÁUDIO

Lusa

  • 333

Londres, 29 nov (Lusa) - O presidente executivo do Banco Santander Totta considera "preocupante" que o Orçamento de Estado seja novamente marcado por austeridade, receando que o impacto em parte dos portugueses possa alimentar a instabilidade social.

"Em termos genéricos, é um orçamento mais uma vez de rigor, mais uma vez um orçamento de austeridade. Como todos os orçamentos desse tipo, são preocupantes", afirmou António Vieira Monteiro à agência Lusa em Londres, onde o Santander Totta recebeu, na quinta-feira à noite, o prémio da revista The Banker de melhor banco em Portugal.

"É verdade que o ajustamento da economia tem vindo a ser feito e tanto as empresas como as famílias portuguesas estão mais preparadas para enfrentar a austeridade. Mas a austeridade não deixa de preocupar, sobretudo relativamente às franjas da população que mais sofrem com essa austeridade, que mais problemas vão ter em termos de futuro. É preciso ter em conta essa situação", continuou.