Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Presidente das Filipinas pede exige mais segurança para capacetes azuis nos Montes Golã

Lusa

  • 333

Manila, 12 jun (Lusa) -- O presidente das Filipinas, Benigno Aquino, exigiu às Nações Unidas maiores medidas de segurança para os efetivos do seu país que integram a missão de capacetes azuis nos Montes Golã entre a Síria e Israel.

No final de maio, o ministro filipino dos Negócios Estrangeiros, Albert del Rosario, aconselhou o presidente a mandar regressar ao país os 341 militares na missão internacional depois do sequestro de vários capacetes azuis filipinos perpetrados por rebeldes sírios.

Benigno Aquino descartou, no momento, a ideia de retirada, mas afirmou que na avaliação do seu país, a "missão é impossível de ser realizada".