Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Presidente da Reserva Federal defende política monetária e reafirma emprego como prioridade

Lusa

  • 333

Washington, 27 fev (Lusa) -- Os benefícios da política monetária de apoio extraordinário à economia dos EUA são "evidentes", afirmou na terça-feira o presidente do banco central norte-americano, a Reserva Federal (Fed), Ben Bernanke, no seu depoimento semestral no Senado.

Repetindo claramente que a recuperação do emprego é a prioridade da Fed e insistindo que um desemprego elevado prejudica o potencial de crescimento da economia norte-americana, Bernanke exortou os eleitos a evitarem os cortes orçamentais, que vão entrar em vigor em 10 de março, na ausência de um acordo político.

O Presidente Barack Obama também alertou, na terça-feira, para os efeitos negativos da austeridade forçada que, se não houver acordo, espera os EUA dentro de dois dias e apelou aos republicanos para chegarem a um acordo com os democratas, para evitarem que o país "dispare um tiro no pé".