Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Presidente da ARS nega fecho de serviço de cirurgia cardiotorácica em Lisboa

Lusa

  • 333

Lisboa, 08 out (Lusa) -- O presidente da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT) garante não estar previsto o encerramento de qualquer serviço de cirurgia cardiotorácica em Lisboa, apesar de uma auditoria concluir que há demasiada oferta nesta área.

Luís Cunha Ribeiro falava à agência Lusa a propósito de uma auditoria realizada a pedido da ARSLVT pelo cirurgião belga Paul Sergeant que avaliou os serviços de cirurgia cardiotorácica em Lisboa e recomendou a concentração de serviços, deixando de fora o Hospital de Santa Cruz.

Foram auditados os serviços dos hospitais de Santa Marta, Santa Cruz, Santa Maria e o semipúblico Hospital da Cruz Vermelha.