Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Presidente da APEMIP prevê que casas entregues aos bancos continue a diminuir

Lusa

  • 333

Lisboa, 29 out (Lusa) -- O presidente da Associação de Empresas Imobiliárias (APEMIP) disse hoje à Lusa estimar a continuação da descida do número de imóveis entregues aos bancos para pagamento de dívidas, devendo chegar às 7.000 casas no final do ano.

"A minha previsão para este ano é que sejam entregues entre 6.500 a 7.000 imóveis", ou seja, mais cerca de 2.000 do que os 4.400 registados até setembro, disse Luís Lima, adiantando que "vai ser mais ou menos a mesma média do ano passado".

Uma estabilização dos valores que o presidente da APEMIP atribui sobretudo às medidas de facilitação de pagamento das dívidas, entretanto, adotadas pelos bancos.