Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Presidenciais na Venezuela "sem irregularidades", anuncia comissão eleitoral

Lusa

  • 333

Caracas, 11 jun (Lusa) -- A auditoria realizada aos resultados da eleição presidencial na Venezuela revelou a inexistência de irregularidades, ao contrário do que afirma a oposição, indicou hoje Tibisay Lucena, presidente do Conselho nacional eleitoral (CNE).

"Nos últimos 30 dias, e de acordo com os boletins de voto analisados, 4.596.432, ou seja 99,98%, não apresentavam qualquer discrepância com os resultados do escrutínio", referiu Lucena durante numa declaração transmitida obrigatoriamente por todos os "media" do país.

De acordo com as autoridades eleitorais, Maduro, delfim do falecido presidente Hugo Chávez, venceu as presidenciais de 14 de abril com 50,66% dos votos, contra 49,97% de Henrique Capriles, governador do estado de Miranda, norte da Venezuela.