Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Preço do crédito é "elevado" mas há falta de procura pelas empresas - APB

Lusa

  • 333

Lisboa, 24 abr (Lusa) - O presidente da Associação Portuguesa de Bancos (APB), Faria de Oliveira, admitiu hoje no parlamento que o preço do crédito é "elevado" em Portugal, mas insistiu que há falta de procura de empréstimos pela parte das empresas.

"Com a fragmentação da União Europeia, a economia nacional é fortemente penalizada pela existência de um preço de crédito elevado", disse hoje o responsável pela APB, que está a ser ouvido na comissão parlamentar de Orçamento e Finanças no âmbito da proposta de lei que permite uma recapitalização forçada dos bancos pela parte do Estado.

Atualmente, afirmou, é de cerca de 3,5 pontos percentuais a diferença entre os juros que os bancos a operar em Portugal cobram às empresas para emprestar dinheiro e o que se passa na Alemanha.