Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Povo de Castro Laboreiro na rua contra transferência dos Correios para pastelaria

Lusa

  • 333

Melgaço, 03 jun (Lusa) - Mais 200 de pessoas de Castro Laboreiro, em Melgaço, concentraram-se hoje à porta do posto de correios local em protesto contra o fecho daquele espaço, cujo serviço passou a ser assegurado por uma pastelaria da aldeia.

"Você vai lá tomar um café e eu vou entregar uma carta, quem é que atendem primeiro na pastelaria? Quem dá mais lucro? Isto para não falar dos problemas de responsabilidade e de privacidade que um serviço público como este exige", afirmou à Lusa o presidente da Junta de Freguesia de Castro Laboreiro.

Segundo Adelino Esteves, o posto dos CTT daquela vila, em pleno Parque Nacional da Peneda-Gerês, a 26 quilómetros da sede do concelho de Melgaço, funcionava num espaço arrendado a privados e foi fechado "sem qualquer aviso" ao final do dia da passada quinta-feira.