Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Portugueses queixam-se de escravatura e põem patrão francês em tribunal

Lusa

  • 333

Paris, 26 out (Lusa) - Três portugueses que vieram para França trabalhar sazonalmente para vinhas do sudoeste francês moveram uma ação contra a entidade empregadora, num caso que o sindicato classifica de "escravatura moderna".

"É um tráfico organizado com recrutadores que são mandados pelos empregadores franceses para ir recrutar mão-de-obra a Portugal", explicou à agência Lusa Magali Astruc, sindicalista da sindicato geral de trabalhadores (CGT) de Narbonne.

Dois dos portugueses foram abordados em Portugal por um conhecido que alegava que o primo (também português) precisava de alguns trabalhadores sazonais para trabalhar em vinhas francesas.