Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Portugal/Angola: Governo português quer resolver perturbações e aprofundar relação

Lusa

  • 333

Lisboa, 24 out (Lusa) - O Governo português dá prioridade à resolução de "todas as perturbações que possam existir" na relação entre Portugal e Angola, que pretende manter e aprofundar, afirmou hoje o ministro da Presidência, Luís Marques Guedes.

Luís Marques Guedes assumiu esta posição durante a conferência de imprensa sobre as conclusões do Conselho de Ministros, depois de questionado sobre as declarações do ministro das Relações Exteriores de Angola, Georges Chikoti, segundo as quais o Governo angolano deixou de considerar prioritária a cooperação com Portugal, elegendo como alternativas a África do Sul, a China e o Brasil.

"Eu já tive oportunidade no 'briefing' do Conselho de Ministros da semana passada de dar aquele que é o entendimento que o Governo tem relativamente às relações que Portugal mantém com Angola, que são relações especiais, relações que têm um histórico e uma afetividade particular entre os dois povos, o povo português e o povo angolano, e que devem ser preservadas e que são prioritárias no âmbito de resto daquilo que são as prioridades de todas as relações de Portugal e do Estado português com os estados de língua oficial portuguesa", respondeu o ministro da Presidência.