Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Portugal vai precisar de linha de crédito e não reestruturará a dívida - Ficth

Lusa

  • 333

Lisboa, 18 nov (Lusa) -- A agência de 'rating' Fitch considera provável que Portugal recorra a uma nova linha de crédito da 'troika' no fim do atual programa de ajustamento, em junho de 2014, e que deverá escapar a uma reestruturação de dívida.

Desde o início do programa de ajustamento que a agência de notação financeira acredita que Portugal precisará de mais apoio da 'troika' (Fundo Monetário Internacional, Comissão Europeia e Banco Central Europeu) no fim do atual resgate.

No comunicado hoje divulgado, a Fitch diz que "acredita que uma linha de crédito com condições mais alargadas é mais provável do que uma linha de crédito cautelar dado os critérios mais rigorosos desta última".