Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Portugal rejeita corte no orçamento comunitário para 2014-2020

Lusa

  • 333

Bruxelas, 31 out (Lusa) -- Portugal rejeita o corte de "pelo menos 50 mil milhões de euros" na proposta de orçamento europeu plurianual apresentado pela presidência da União Europeia, disseram hoje fontes diplomáticas, que veem as verbas de Bruxelas como um incentivo ao crescimento.

"Estamos a ter uma posição negocial muito dura. Não queremos os cortes. Portugal vê o próximo quadro financeiro plurianual como a vertente de crescimento do programa de ajustamento", afirmou uma fonte diplomática, envolvida nas negociações do orçamento comunitário.

Portugal alinha, assim, com a Comissão Europeia que, na terça-feira, rejeitou a contraproposta de orçamento europeu para 2014-2020 apresentada pela presidência cipriota da União Europeia, que aponta para uma redução de, "pelo menos, 50 mil milhões de euros" face à sugestão do executivo comunitário.