Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Portugal quer colocar mais de 5.000 ME em dívida pública até junho

Lusa

  • 333

Lisboa, 09 abr (Lusa) -- Portugal vai tentar colocar mais de 5.000 milhões de euros em dívida pública no segundo trimestre deste ano, com o primeiro leilão marcado para 17 de abril.

De acordo com o calendário de leilões de Bilhetes do Tesouro (BT) hoje divulgado pela Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP), ao todo, entre abril e junho, o Tesouro português vai levar a cabo três operações de emissão de dívida.

Já a 17 de abril serão realizadas duas emissões de dívida, uma a três meses e outra a 12 meses. No mês seguinte, a 15 de maio, serão feitos mais dois leilões, de seis e 12 meses. Por fim, a 19 de junho será feita uma emissão a seis meses e outra no prazo mais alargado dos BT, a 18 meses.