Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Portugal precisa de ultrapassar "conservadorismo estrutural" e "reformar-se" -- Durão Barroso

Lusa

  • 333

Lisboa, 07 jan (Lusa) - O presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso, defendeu hoje que Portugal precisa de ultrapassar o "conservadorismo estrutural" e "reformar-se", para assim ultrapassar a crise.

Durão Barroso, que proferiu o discurso de abertura da conferência que marca os 40 anos do semanário Expresso, que hoje decorre no Centro Cultural de Belém, em Lisboa, reconheceu a "indispensabilidade" de realizar reformas estruturais, mas sublinhou que estas não podem deixar de lado o crescimento, nem a solidariedade.

"Infelizmente, nem todos os governos [nacionais] dão a mesma prioridade ao crescimento do que a Comissão Europeia", admitiu.