Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Portugal pagou entrada no Euro com estagnação económica -- economista

Lusa

  • 333

Paris, 27 out (Lusa) - A economista Cristina Semblano, investigadora e professora universitária em França, afirmou hoje, em Paris, que "Portugal pagou a entrada no Euro com a estagnação da sua economia", defendendo que os portugueses no exterior podem ajudar na saída da crise.

"Portugal pagou a entrada na zona euro com a estagnação da sua economia, na medida em que entrou no Euro com uma moeda sobreavaliada [em cerca de] 30%, o que fez diminuir muito a competitividade da economia", disse à Lusa Cristina Semblano, primeira oradora no 9.º Encontro Nacional das Associações Portuguesas de França, que decorre hoje.

Essa perda de competitividade, explicou, "foi acentuada pela abertura [do mercado comum] aos mercados dos países de Leste, e mais tarde à China, que, como Portugal, têm uma produção pouco diferenciada, mas muito mais barata".