Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Portugal não quer tratamento igual ao da Grécia -- Passos Coelho

Lusa

  • 333

Cidade da Praia, 03 dez (Lusa) - O primeiro-ministro afirmou hoje que Portugal tem uma situação distinta e não quer tratamento igual ao da Grécia e considerou "extremamente elogiosos" os comentários dos ministros das Finanças alemão e francês a este propósito.

Em resposta à comunicação social, na Cidade da Praia, Pedro Passos Coelho reiterou que uma parte das novas condições de financiamento da Grécia não se aplicam a nenhum outro país, enquanto outra parte se enquadra no Mecanismo Europeu de Estabilidade, "que está sujeito a um princípio de igualdade de tratamento", o que será discutido a seu tempo no Eurogrupo.

"Portugal não tem nenhuma ansiedade à volta dessa discussão. Ao abrigo dessa igualdade de tratamento, não deixará de suscitar essa discussão, nos locais próprios em termos europeus. E aquilo que tiver de se aplicar a Portugal, que possa ter sentido adaptar a Portugal, ao abrigo desse princípio da igualdade de tratamento, não deixará de ser feito", acrescentou Passos Coelho, ressalvando: "Portugal não está a reclamar um tratamento igual ao da Grécia no acordo que foi obtido para a Grécia".