Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Portugal e Angola vão criar observatório para agilizar investimentos pendentes - ministro

Lusa

  • 333

Luanda, 29 ago (Lusa) - O ministro da Economia português disse hoje, em Luanda, que o Governo angolano "acolheu bem" a proposta de criação de um "observatório", cuja função será ajudar a materializar os vários investimentos recíprocos pendentes em Portugal e Angola.

António Pires de Lima fazia o balanço da visita de 24 horas a Luanda, que terminou hoje, antes de deixar Angola com destino a Moçambique, onde participará no Dia de Portugal no âmbito da Feira Internacional de Maputo (FACIM).

O governante português disse esperar que este grupo de trabalho, liderado pelos Ministérios da Economia dos dois países, com a colaboração das diferentes entidades relacionadas com o tema, possa estar constituído até ao final do ano.