Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Portugal deve voltar a produzir beterraba se quota de açúcar se mantiver depois de 2015 - Associação

Lusa

  • 333

Santarém, 04 dez (Lusa) - A Associação Nacional de Produtores de Beterraba (Anprobe) quer que, a manter-se o regime de quotas de açúcar na União Europeia depois de 2015, Portugal volte a poder produzir beterraba e a transformá-la em açúcar.

Em comunicado enviado à agência Lusa, a Anprobe congratula-se com a posição assumida pela ministra da Agricultura, Assunção Cristas, no Conselho de Ministros da Agricultura da UE realizado a semana passada em Bruxelas, de defesa da reatribuição de uma quota de produção de açúcar a Portugal após 2015.

A associação de produtores de beterraba recorda que, desde a apresentação da proposta da Comissão em outubro de 2011, tem defendido junto de várias instâncias nacionais e europeias que, se o regime de quotas não terminar em 2015, "Portugal deverá ser contemplado com a possibilidade de reatar esta importante cultura".