Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Porto: Câmara afirma que reabilitação urbana "é imparável" e CDU diz que falhou

Lusa

  • 333

Porto, 05 jun (Lusa) - A reabilitação urbana dominou a primeira parte da Assembleia Municipal do Porto, na segunda-feira, tendo o executivo PSD-CDS considerado que é "um fenómeno imparável" e a CDU defendido que o modelo escolhido falhou.

O motivo para o debate foi a proposta para "Delimitação da Área de Reabilitação do Centro Histórico do Porto", que a Câmara já havia aprovado e que abrange uma área com cerca de 49 hectares e 5.000 habitantes, distribuídos por cinco freguesias, embora só uma delas, S. Nicolau, esteja integralmente incluída no seu perímetro.

Esta área tem cerca de 1.800 prédios e "34 por cento do seu edificado encontra-se em mau ou muito mau estado de conservação, necessitando de intervenções muito profundas", de acordo com o levantamento efetuado pela Porto Vivo - Sociedade de Reabilitação Urbana.