Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Portagens: Passos Coelho e Cavaco Silva são "personas non gratas" no Algarve - utentes da A22

Lusa

  • 333

Loulé, 09 jul (Lusa) - O primeiro-ministro, o ministro da Economia e o Presidente da República foram hoje declarados "personas non gratas" pela Comissão de Utentes da Via do Infante (A22), grupo que aguarda as conclusões do estudo de impacto das portagens no Algarve.

A comissão recordou, em declarações à Lusa, que o Governo havia prometido a divulgação, até ao verão, das conclusões daquele estudo.

Sobre eventuais protestos em iniciativas em que os membros do Governo e o Cavaco Silva participem, uma vez que se considera agora que não são bem-vindos na região, o porta-voz, João Vasconcelos, disse que o grupo não está a preparar nada nesse sentido, mas admitiu que possam surgir protestos populares.