Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Politécnico de Leiria diz que dinheiro do OE2014 não chega para pagar salários

Lusa

  • 333

Leiria, 21 nov (Lusa) - O presidente do Instituto Politécnico de Leiria (IP Leiria), Nuno Mangas, afirmou hoje que a verba que é transferida do Orçamento do Estado não é suficiente para pagar os salários dos seus colaboradores.

À margem da sessão solene que assinalou a abertura do ano letivo do IP Leiria, Nuno Mangas referiu que, "hoje, o 'plafond' do Estado não dá para pagar os salários dos colaboradores".

"Para pagar a globalidade dos salários do IP Leiria, além da totalidade das receitas que recebemos do Orçamento do Estado, temos de utilizar parte das nossas receitas próprias. O instituto precisa da descativação de 2,5 por cento, que surgiu no final de junho e início de julho deste ano, que são 560 mil euros", sustentou o presidente do IP Leiria.