Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Polícias detidos por suspeitos de corrupção passiva para ato ilícito - PJ

Lusa

  • 333

Lisboa, 26 jun (Lusa) - Os três agentes da Polícia de Segurança Pública (PSP) detidos na terça-feira estão indiciados pela prática de diversos crimes de corrupção passiva para ato ilícito, informou hoje a Polícia Judiciária (PJ).

Fonte policial adiantou à agência Lusa que os arguidos são suspeitos de participarem num alegado esquema de suborno, levado a cabo por dezenas de empresários, para o licenciamento de armas e utilização de explosivos em pedreiras, a troco de milhares de euros.

Os três polícias, que prestavam serviço no Departamento de Armas e Explosivos da Direção Nacional da PSP, pernoitaram nas novas instalações da polícia, em Moscavide, Lisboa, e já se encontram no Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa, no Campus da Justiça, para primeiro interrogatório judicial.