Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Polícia sul-africana prende oito agentes acusados de envolvimento na morte de taxista moçambicano

Lusa

  • 333

Daveyton, África do Sul, 01 mar (Lusa) -- O organismo que fiscaliza a polícia sul-africana prendeu hoje oito agentes policiais acusados de ligação ao homicídio de um motorista de táxi moçambicano, que morreu depois de ser preso a um carro da polícia e arrastado por uma estrada.

"Oito polícias foram presos pela IPID (Direção de Investigação Policial Independente) na esquadra de polícia de Benoni", disse à agência AFP Moses Dlamini, porta-voz daquele organismo.

O Presidente da África do Sul, Jacob Zuma, condenou hoje a agressão pela polícia sul-africana ao taxista moçambicano, considerando "horríveis, perturbadoras e inaceitáveis" as imagens do incidente, que ocorreu na quarta-feira.