Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Plano de rescisões da RTP aceite por 207 trabalhadores e prolongado por 10 dias

Lusa

  • 333

Lisboa, 17 abr (Lusa) - O presidente do Conselho de Administração da RTP, Alberto da Ponte, anunciou hoje que a empresa prolongará "por mais 10 dias" o prazo de candidaturas ao plano de rescisões amigáveis, atendendo ao interesse manifestado por alguns trabalhadores.

O gestor da estação pública de televisão avançou que 207 trabalhadores tinham apresentado até segunda-feira a candidatura ao respetivo plano, cujo prazo inicial expirou no passado dia 12 de abril.

Alberto da Ponte negou ainda que estivesse nos planos da RTP a ideia de iniciar um segundo plano de rescisões amigáveis, o que significa que a RTP prolongará o atual plano nas mesmas condições (1,35 salários por ano de trabalho), mas não equaciona um segundo plano no futuro.