Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Plano de reestruturação do Sporting permitirá reduzir dívida em 148 ME

Lusa

  • 333

Lisboa, 30 jun (Lusa) -- O Assembleia Geral do Sporting aprovou hoje o plano de reestruturação financeira apresentada pelo Conselho Diretivo, que vai permitir uma redução substancial da dívida do clube de 354 para 206 milhões de euros.

Para alcançar esse objetivo, será fundamental a fusão por incorporação da Sporting Património e Marketing (SPM) na SAD, com transferência do direito de superfície sobre do Estádio José Alvalade e sobre o edifício multidesportivo por um prazo adicional de 33 anos, que a aprovação do plano vem agora autorizar.

Por outro lado, a reestruturação permitirá três aumentos de capital da SAD: 8 milhões da fusão por incorporação da SPM na SAD, 20 milhões para pagar a dívida à sociedade Holdimo e 18 milhões que assinalam a entrada de mais investidores (que ficarão com 21 por cento da SAD), o que somados se traduzem num aumento de capital de 39 para 85 milhões de euros.