Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Pinto Monteiro recusa comentar escolha de Joana Marques Vidal para PGR

Lusa

  • 333

Lisboa, 08 out (Lusa) - O Procurador-Geral da República recusou-se hoje a comentar a escolha da magistrada do Ministério Público Joana Marques Vidal para lhe suceder no cargo, alegando que "nunca comentou, nem comenta as escolhas e decisões" do Presidente da República.

"Nunca comentei, nem comento decisões do senhor Presidente da República", disse à Agência Lusa Fernando Pinto Monteiro, que termina na terça-feira o seu mandato de seis anos, cabendo à vice-PGR Isabel São Marcos assegurar as funções de PGR até à tomada de posse de Joana Marques Vidal, marcada para sexta-feira.

A Presidência da República anunciou hoje que Cavaco Silva vai nomear a Procuradora-Geral Adjunta Joana Marques Vidal para PGR.