Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Pelo menos 21 mortos em confrontos entre grupos separatistas nas Filipinas

Lusa

  • 333

Manila, 04 fev (Lusa) -- Pelo menos 21 pessoas morreram na sequência de confrontos entre militantes do Abu Sayyaf, grupo ligado à Al-Qaida, e a Frente Moro de Libertação Nacional, no sul das Filipinas, informaram hoje fontes policiais.

O diretor provincial da polícia da ilha de Joló, Antonio Freira, indicou que 13 dos mortos do tiroteio, que ocorreu no domingo, pertenciam ao grupo Abu Sayyaf, enquanto outros oito eram membros da guerrilha Frente Moro de Libertação Nacional, que conta com o apoio do Governo.

De acordo com o mesmo responsável, os confrontos opuseram mil guerrilheiros da Frente e 200 militantes do Abu Sayyaf.