Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

PCP acusa Paulo Núncio de não cumprir prazos regimentais do parlamento

Lusa

  • 333

Lisboa, 09 jul (Lusa) -- O deputado comunista Honório Novo acusou hoje o secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, Paulo Núncio, de não cumprir os prazos regimentais de resposta ao parlamento, e de por vezes não responder às perguntas colocadas.

"Não é aceitável que sistematicamente não responda nos prazos regimentais, nem no dobro dos prazos regimentais, nem no triplo dos prazos regimentais e demore três, quatro, cinco ou seis meses a responder e, às vezes, não respondendo às perguntas que os deputados lhe dirigem", lamentou Honório Novo.

"O senhor secretário de Estado tem de responder a este parlamento e, se não o fizer, está a quebrar as regras institucionais que tem com esta casa", disse ainda o deputado do PCP, na comissão parlamentar de Orçamento, Finanças e Administração Pública, que está a ouvir Paulo Núncio a propósito do Relatório do Governo sobre o Combate à Fraude e Evasão Fiscal e Aduaneira em 2012.