Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Paulo Rangel acusa PS de "grande falta de sentido de estado"

Lusa

  • 333

Resende, 10 nov (Lusa) - O eurodeputado social-democrata Paulo Rangel acusou hoje o PS de "grande falta de sentido de estado" ao não querer negociar com o Governo e defendeu que "ambos têm de ceder" para chegar a um consenso.

Em declarações à agência Lusa, em Resende, Paulo Rangel apelidou a posição do PS relativamente à reforma do estado social de "ambígua, ambivalente" e reveladora "de uma grande falta de sentido de estado, porque na altura de crise grave que vive o país, não pode furtar-se ao diálogo".

Segundo o eurodeputado, o PS "pode até depois não concordar com as propostas que estão em cima da mesa, mas pura e simplesmente recusar-se ao diálogo é inaceitável".