Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Patrões e sindicatos fazem duras críticas às declarações de Belmiro de Azevedo

Lusa

  • 333

Lisboa, 19 mar (Lusa) - Responsáveis pelas confederações sindicais e patronais fizeram hoje duras críticas às declarações do empresário Belmiro de Azevedo, que afirmou na segunda-feira que sem mão-de-obra barata "não há emprego para ninguém".

"Espero que o senhor engenheiro Belmiro consiga descobrir algum modo de as pessoas poderem comprar na loja dele sem salário", disse o presidente da Confederação do Comércio e Serviços de Portugal (CCP), João Vieira Lopes.

O secretário-geral da CGTP, por sua vez, considera que estas declarações demonstram "falta de respeito" sobre os trabalhadores e a "conceção de empresariado" que continua a existir em Portugal.