Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Passos Coelho desdramatiza eventual 'chumbo' da convergência das pensões pelo TC

Lusa

  • 333

Londres, 27 nov (Lusa) - O primeiro-ministro desdramatizou hoje um eventual chumbo pelo Tribunal Constitucional (TC) da lei da convergência das pensões, mas não fechou a porta a mais ajuda internacional após o fim do programa de assistência.  

"Não posso dizer o que faremos se o Tribunal Constitucional tomar uma decisão negativa sobre os cortes às pensões, mas posso assegurar que o país não vai parar por causa disso", afirmou Pedro Passos Coelho durante o período de perguntas e respostas após uma palestra em Londres a convites a fundação Canning House. 

O diploma que inclui a redução de 10% nas pensões da Caixa Geral de Aposentações (CGA) superiores a 600 euros foi enviado no sábado para o TC pelo Presidente da Republica, Cavaco Silva, por considerar a medida "um imposto especial" porque "implica um esforço acrescido" dos pensionistas, para financiarem o Estado.