Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Passos acusa PS de estar "perigosamente perto" do PCP no conservadorismo constitucional

Lusa

  • 333

Lisboa, 31 out (Lusa) - O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, acusou hoje o PS de ter posições relativamente à Constituição "perigosamente" próximas das do PCP, que, argumentou, teve sempre sobre a Lei Fundamental "uma posição conservadora".

"O PCP teve sempre sobre a Constituição uma posição conservadora. Felizmente, a revisão da Constituição em Portugal foi-se fazendo contra a vontade do PCP. Mas, parece-me de pouco e mau agoiro, que algumas das reservas que o senhor deputado [António Filipe, do PCP] vai enunciando sobre o futuro da nossa Constituição, estejam tão perigosamente perto daqueles que têm sido enunciados pelo Partido Socialista", afirmou Passos Coelho.

"Não são boas notícias para os portugueses", sublinhou o primeiro-ministro.